A importância da alimentação em paralisia cerebral

Foi publicado nos últimos dias um texto muito interessante sobre a importância da alimentação na paralisia cerebral. O PNPAS tem vindo a dar relevo a estes temas. 

“Nesta população são comuns as dificuldades alimentares. Estas podem resultar de uma deficiência oro-motora (dificuldades de mastigação e/ou deglutição), disfagia e deficiência sensorial, com ou sem distúrbios comportamentais. A estas dificuldades alimentares podem, ainda, estar associados problemas de saúde como aspiração de alimentos e infeções pulmonares, refluxo gastroesofágico e obstipação. A baixa ingestão hídrica, ou até mesmo desidratação, o aumento do tempo despendido para efetuar uma refeição e a ingestão insuficiente (que pode levar a baixo peso) são outras das consequências destes problemas na alimentação.”

Um texto a ler aqui.

Imagem retirada de thea0211

0 Comentários , Adicione o seu

Comentar

Adicione o seu comentário: