Geologia e Águas – Um Território a Explorar

Portugal tem uma enorme diversidade geográfica, uma grande variedade geológica e afinal uma grande variedade gastronómica. Tudo se liga? Talvez!

Por exemplo, os granitos do Norte de Portugal, os xistos do Alentejo ou os calcários e argilas do litoral Algarvio fazem de Portugal, um tesouro de águas minerais naturais muito diferenciadas na mineralização e no sabor.

Num espaço de poucos quilómetros, podemos encontrar, desde as águas de Monchique, captadas num aquífero situado no interior de um maciço sub-vulcânico, originando uma água pura com muitos minerais dissolvidos e pH básico, até às águas minerais naturais gasocarbónicas do grande vale, associado à estrutura tectónica Régua-Verin, por exemplo na região de Vidago/Pedras Salgadas.

Esta enorme variedade de águas minerais, de sabores diferentes e que têm origem em percursos de centenas de quilómetros no interior das rochas, durante muitos anos, até atingirem a superfície, merece uma maior atenção e conhecimento por parte dos portugueses.

A água é um “alimento” essencial à vida, sem o qual não regulávamos a nossa temperatura corporal ou a pressão arterial. Sem um consumo adequado de água, a nossa pele e até a nossa memória ressente-se. Por isso, é necessário beber água diariamente e, felizmente, a nossa rede de abastecimento oferece uma boa qualidade para o consumo diário. É segura, ecológica e prática. Além disso, para ocasiões especiais, o nosso país oferece-nos uma enorme variedade de sabores e sensações através das águas minerais nacionais que vale a pena experimentar.

Mapa_Bacias Sedimentares Mesocenozóicas

0 Comentários , Adicione o seu

Comentar

Adicione o seu comentário: