O desafio de reduzir o consumo de açúcar no dia-a-dia

A OMS lançou há poucos dias um alerta sobre os riscos do consumo excessivo de açúcar. As recomendações indicam que o consumo de açúcares simples adicionados à nossa alimentação deve estar abaixo dos 10 % da energia consumida diariamente. De preferência aproximar-se dos 5%.

Ou seja, o total diário de açúcar adicionado aos alimentos (em croissants, sumos, sobremesas, cereais de pequeno-almoço, etc.) não deveria ultrapassar as 6 colheres de chá de açúcar. Para termos uma ideia, apenas uma lata de refrigerante tradicional pode conter 10 colheres de chá de açúcar.

Segundo a OMS, as crianças portuguesas, aproximam o seu consumo de açúcar aos 25 % da sua energia ingerida diariamente, 5 vezes acima dos 5 % ideais.

As crianças que consomem quantidades elevadas de açúcar têm maiores probabilidades de serem obesas e de sofrerem de problemas dentários.

Consulte aqui os mais recentes relatórios da OMS sobre este assunto.

Imagem retirada de FrenchByte

0 Comentários , Adicione o seu

Comentar

Adicione o seu comentário:

Outros artigos com a tag: OMS