Uma nova forma de ver a alimentação dos Portugueses

A disponibilidade alimentar dos portugueses de 2012 distancia-se da disponibilidade alimentar recomendada como podemos ver na infografia apresentada no Jornal Público. Isto ocorre devido à maior disponibilidade de  proteína animal (carne, ovos e pescado) e laticínios que o recomendado e muito menos hortofrutícolas e leguminosas. Em relação ao consumo de quilocalorias diárias, continuamos a “consumi-las” em excesso: “ingerimos” em média 3963 kcal em vez das 2000 a 2500 kcal recomendadas.

Estes hábitos alimentares inadequados têm um grande peso como determinantes dos anos de vida saudável perdidos pelos portugueses, mais do que outros como a pouca atividade física ou o consumo de álcool.

1 Comentário , Adicione o seu

  1. Excelente

    Elsa Maria teixeira Castro Afonso a 16/11/2015 às 12:04

Comentar

Adicione o seu comentário: