alimentos

  • Dióspiro – Um fruto do Outono

    Esta estação traz-nos cheiros, cores e sabores muito próprios da época e o dióspiro é um dos frutos preferidos no Outono. É um fruto proveniente da Ásia, mais precisamente da China, de onde foi levado para a Índia e para o Japão, onde é cultivado desde o século XVII. O calendário de produção nacional reporta aos meses de outubro e novembro, entrando ainda no mês de dezembro. Saiba mais.

  • Compare a quantidade de sal e açúcar presente no Ketchup

    De acordo com as novas regras da rotulagem, a quantidade de açúcares e sal têm de ser referidos de forma legível no rótulo dos produtos alimentares. Hoje comparamos dois tipos de condimentos de ketchup, cujos valores nutricionais demonstram uma diferença significativa na quantidade de açúcar e sal que contêm. Saiba mais,

  • Compare o teor de sal na mostarda

    Através dos rótulos, conseguimos comparar, no momento da compra, dois ou mais produtos relativamente ao seu teor de sal. Hoje comparamos duas conhecidas marcas de “mostarda” ou mais concretamente – condimento de mostarda. Saiba mais.

  • Neste Outono uma lição sobre alimentos silvestres

    Poderão os alimentos silvestres reconquistar o seu lugar à nossa mesa ? Portugal localiza-se numa das regiões bioclimáticas com maior biodiversidade e com elevada disponibilidade e diversidade de produtos vegetais ao longo de todo o ano, em particular no Outono quando as chuvas regressam. Para saber mais, sobre estes alimentos, aqui fica uma proposta que nos chegou.

  • Dia Mundial da Fotografia

    Hoje celebra-se o dia mundial da fotografia. As fotografias de alimentos e de refeições desempenham um papel importante no conhecimento e cultura alimentar nos nossos dias. O PNPAS investe há muito na fotografia e em particular nas fotografias de alimentos portugueses que depositamos num repositório que depois é disponibilizado fazendo parte do nosso serviço público. Saiba mais.

  • Marisco no verão. Sim ou não?

    Com a chegada do verão e sendo Portugal um país com grande tradição e qualidade na oferta de marisco, surgem algumas oportunidades para consumir estes moluscos (mexilhão, amêijoa, conquilha) e crustáceos (sapateira, camarão). No entanto, há muito que se atribuiu uma conotação negativa ao marisco pela sua riqueza em colesterol. Mas será que o marisco é dos principais responsáveis aumento dos níveis de colesterol? Saiba mais.

  • Bacalhau | O rei do natal

    O bacalhau faz parte do nosso património cultural e, embora não seja pescado na nossa costa, é presença assídua na mesa dos portugueses há muitos séculos, especialmente na ceia de Natal. Saiba mais.

  • Castanha – Um tesouro nutricional a explorar nesta semana de São Martinho

    A castanha é uma fonte espantosa de nutrientes que deverá integrar com mais frequência as nossas refeições, tanto em casa como na escola, podendo substituir o arroz, a massa ou a batata com frequência e com vantagens nutricionais, em particular nesta altura do ano. Saiba mais.