excesso de peso

  • “A obesidade como catástrofe ambiental dos tempos modernos”

    Atualmente, o excesso de peso é o principal responsável pela doença em Portugal e pela má qualidade de vida de milhões de portugueses. Um artigo de opinião para ler nesta edição do Público.

  • RELATÓRIO COSI PORTUGAL (2016) SOBRE VIGILÂNCIA NUTRICIONAL INFANTIL já disponível

    O relatório COSI que descreve a evolução do estado nutricional da população escolar portuguesa entre os 6 e os 8 anos de idade, no período de 2007/2008 até 2015/2016 já se encontra disponível para consulta. Saiba mais.

  • RELATÓRIO COSI PORTUGAL (2016) SOBRE VIGILÂNCIA NUTRICIONAL INFANTIL

    É lançado hoje o relatório COSI. Os dados revelam um decréscimo na obesidade infantil, entre os últimos 8 anos, fruto de muito fatores, mas também do trabalho realizado pelos profissionais de saúde e educação. No entanto, o excesso de peso em Portugal continua ainda extremamente elevado, no contexto europeu, atingindo 30,7 % das crianças analisadas.

  • Proposta de modelo conceptual para a abordagem do excesso de peso em Portugal

    Apesar do excesso de peso afetar mais de 50% da população portuguesa, são ainda pouco uniformes as abordagens para a prevenção e tratamento desta doença. Saiba mais.

  • Inquérito Nacional de Saúde de 2014

    Os resultados do Inquérito Nacional de Saúde de 2014 e publicados recentemente, continuam a demonstrar que apesar de alguns hábitos alimentares protetores, como o consumo de fruta ou hortícolas, serem prevalentes na sociedade portuguesa, a obesidade continua a ser, provavelmente, o principal flagelo de saúde pública em Portugal e onde é necessário continuar a investir seriamente. Saiba mais.

  • Vamos combater a obesidade – Metas OMS até 2025

    A Organização Mundial de Saúde lançou um conjunto de infografias que refletem as metas globais a atingir na área da nutrição até 2025. O excesso de peso nas crianças está a aumentar em todas as regiões do mundo. Globalmente, 42 milhões de crianças com idades inferiores a 5 anos apresentam excesso de peso. A OMS apresenta como meta até 2025 uma estabilização no aumento do excesso de peso entre as crianças. Saiba mais.

  • Peso da Saúde – Resultados Finais

    Durante os meses de Julho e Agosto o “Peso da Saúde” esteve em 18 praias de todo o continente e ilhas. Tratou-se de um significativo investimento na melhoria da informação sobre os riscos da obesidade e seus problemas associados como o Acidente Vascular Cerebral (AVC) para toda a população. Conheça os resultados.