obesidade infantil

  • A obesidade infantil nos Açores

    Os Açores foram uma das regiões de Portugal onde a obesidade infantil decresceu nos últimos anos segundo o último Relatório COSI. Apesar das causas do sucesso no combate à obesidade serem múltiplas e os resultados ainda não serem consistentes no tempo, vale pena descrever o que foi feito na região, neste últimos tempos e que demonstra o empenho na resolução do problema feito pela região e seus profissionais de saúde, segundo as palavras e discrição da Dra. Rita Carvalho. Saiba mais.

  • Projeto Papa Bem | Alimentar é Educar

    O projeto Papa Bem surgiu com o objetivo de apoiar as famílias e outros cuidadores na tarefa de promover o crescimento saudável das suas crianças desde a gravidez até aos 5 anos de idade. Para tal, foram desenvolvidos um conjunto de recursos sobre aspetos essenciais ao crescimento saudável de uma criança como a alimentação, a atividade física, o sono, entre muitos outros. Saiba mais.

  • Evolução da Obesidade Infantil em Portugal

    É lançado hoje o relatório COSI que descreve a evolução do estado nutricional da população escolar portuguesa entre os 6 e os 8 anos compreendendo um período que vai de 2007/2008 até 2012/2013. O Childhood Obesity Surveillance Initiative (COSI)/World Health Organization Regional Office for Europe é um sistema europeu de vigilância nutricional infantil que produz dados comparáveis entre países da Europa e que permite a monitorização da obesidade infantil a cada 2-3 anos. Saiba mais.

  • O papel da sua autarquia no combate à obesidade infantil

    As autarquias têm vindo, gradualmente, a assumir responsabilidades, competências legais e capacidade técnica, que fazem com que possam assumir um papel central no combate à obesidade infantil. O papel das autarquias em colaboração com as autoridades locais de saúde neste combate é fundamental. Saiba mais.