Dieta Mediterrânica, Doença e Insegurança Alimentar nas famílias portuguesas

azeite nutrimento

Foi publicado hoje um estudo pela Universidade Nova de Lisboa que relaciona a capacidade das famílias portuguesas terem acesso a alimentos suficientes, seguros e nutricionalmente adequados à adesão à Dieta Mediterrânica, à prevalência de certas doenças e qualidade de vida.

Infelizmente, as famílias social e economicamente mais desfavorecidas são também aquelas que não conseguem ter uma alimentação saudável e próxima do Padrão Alimentar Mediterrânico. Ou seja, um modelo alimentar que no passado protegia as famílias mais pobres deixou de ser utilizado por estas, merecendo uma ampla discussão e intervenção na sociedade que o PNPAS vem fazendo nos últimos anos.

 

 

 Photo on Visualhunt

0 Comentários , Adicione o seu

Comentar

Adicione o seu comentário: