Estou a ler:

Para perder o peso ganho neste verão deve-se correr mais ou comer menos?

Notícias

Para perder o peso ganho neste verão deve-se correr mais ou comer menos?

O jornal New York Times levantou recentemente uma enorme polémica ao revelar que determinadas empresas de refrigerantes promoviam investigação científica no sentido de sugerir que a principal causa de obesidade era a atividade física reduzida e não o consumo excessivo de calorias. Saiba mais.

jogging-1430802-639×424

O jornal New York Times levantou recentemente uma enorme polémica ao revelar que determinadas empresas de refrigerantes promoviam investigação científica no sentido de sugerir que a principal causa de obesidade era a atividade física reduzida e não o consumo excessivo de calorias.

Independentemente do choque levantado por esta investigação jornalística e pela ampla discussão que gerou nos Estados Unidos da América, vale a pena fazer o seguinte exercício matemático:

Tempo necessário de exercício físico para queimar as calorias existentes num hambúrguer duplo (549 calorias) simples, sem acompanhamentos*:

144 minutos a andar a pé

63 minutos a correr (jogging)

46 minutos a nadar

74 minutos a andar de bicicleta

Ou seja, a atividade física é essencial para manter ou reduzir o peso a mais ganho neste verão (e também para ter mais saúde física e mental), mas sem uma redução significativa na ingestão de calorias é quase impossível chegar lá.

*Para o cálculo utilizámos o simulador CalorieKing e como referência de gasto energético uma mulher de 35 anos com 170 cm e 65 kg.

Imagem retirada de Iwan Beijes
Tópicos
Notícias

Acompanhe a discussão sobre: Para perder o peso ganho neste verão deve-se correr mais ou comer menos?

Um comentário a “Para perder o peso ganho neste verão deve-se correr mais ou comer menos?”

  1. Vitor Dauphinet diz:

    Concordo com a vossa conclusão e acrescento que só uma visão (convenientemente) simplista do problema, pode sustentar a ideia que basta incentivar a prática de exercício físico para que a obesidade seja erradicada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos Relacionados