COSI – 10 anos depois (Uma história de sucesso com Portugal no centro)

Celebramos este ano uma década de COSI (Childhood Obesity Surveillance System) um projeto da OMS-Europa criado para monitorizar a evolução da obesidade infantil a nível europeu.

Foi no Vimieiro que em 13-14 de dezembro de 2007, se reuniu pela primeira vez um grupo técnico de investigadores para lançar este projeto em 13 países.

Portugal, através da Direção-Geral da Saúde e da Plataforma contra a Obesidade, esteve presente desde o primeiro minuto neste grupo fundador e lidera ainda, com outros países, este projeto em parceria com o INSA.

Atualmente, o COSI está presente em mais de 35 países da região Europeia da OMS e avalia cerca de 300 000 crianças, de três em três anos, tornando-se na maior rede mundial neste tipo de monitorização.

Para realizar esta enorme operação logística em Portugal, estão envolvidas todas as ARS’s e direções regionais da Madeira e Açores, sob coordenação da DGS e do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, através dos coordenadores regionais em cada região de saúde – Algarve (Teresa Sofia Sancho); Alentejo (Rosa Espanca); Lisboa e Vale do Tejo (Ana Dinis); Centro (Ilídia Duarte); Norte (Teresa Rodrigues); Madeira (Carmo Faria) e Açores (Rita Carvalho).

Apesar das enormes dificuldades de recursos humanos e materiais a nível nacional, tem sido possível manter esta importante rede através de muitos e dedicados profissionais do Sistema Nacional de Saúde, muito particularmente Nutricionistas, Enfermeiros e também de Médicos sob a coordenação da Prof. Ana Rito (INSA).

Os dados retirados em 2016 (já com amostras representativas de todas as regiões nacionais) permitirão a tomada de decisões políticas e de saúde a nível regional e o compromisso de todas regiões para combater a obesidade infantil, que apesar de estar (aparentemente) estável é ainda das mais elevadas em toda a Europa, comprometendo seriamente a saúde e o futuro de muitas gerações de portugueses.

 

6 Comentários , Adicione o seu

  1. Muitos parabéns pelo carinho, dedicação e resiliência de todos.
    Um abraço

    lurdes Baía a 27/02/2017 às 12:27
  2. A obesidade é um sério problema de saúde. Admiro a dedicação dos profissionais de saúde.
    Eu própria como pessoa e profissional sinto que devo focar-me mais nesse assunto.
    Parabéns ao trabalho de todos!

    Maria Filomena de Morais Sarmento Machado Matos a 28/02/2017 às 10:57
  3. Parabéns e continuação de Bom Trabalho.
    O Combate sério à obesidade infantil deve ser um compromisso que n/ convoque a Todos.

    FMV a 02/03/2017 às 07:23
  4. É um tema de uma importância enorme e do qual eu gosto muito por isso dou os meus parabéns a todos os Profissionais do qual fazem parte.

    Carmo Soqueiro a 15/03/2017 às 12:33
  5. Parabéns a todos pelo bom trabalho. Sinto-me orgulhoso por pertencer ao grupo de colaboradores locais do COSI. São iniciativas como esta que merecem todo o nosso empenho e dedicação.

    MOEP a 15/03/2017 às 16:55

Comentar

Adicione o seu comentário: